Conhecer histórias de sucesso é sempre uma ótima maneira de se inspirar a fazer da sua história um case de sucesso.

Com isso em mente, dando continuidade à série sobre Treinamento em Vendas gostaria de falar um pouco sobre como trabalham as empresas da indústria farmacêutica. Elas encontraram um caminho interessante para treinar e cobrar seus vendedores.

Antes, porém, aproveite para deixar abertos os outros artigos da série que você ainda não leu. Para isso, basta clicar nos links abaixo.

*Treinamento em Vendas: tudo que você sempre quis saber

*Os principais erros do treinamento em vendas

*Treinamento em Vendas: como engajar sua equipe

*Treinamento em Vendas: saiba o que treinar e ofereça a melhor capacitação a seus vendedores

Deixou os artigos abertos para ler depois? Ok, agora sim podemos falar sobre as lições da indústria farmacêutica em Treinamento em Vendas…

treinamento em vendas: as lições da indústria farmacêutica

Treine e teste

Na semana passada, falei que a melhor maneira de engajar sua equipe a participar de um treinamento em vendas era mostrar aos vendedores que eles precisam ser treinados pois não sabem de tudo, lembra?

Pois bem, a indústria farmacêutica faz o contrário. Primeiro treina, depois testa.

E isso funciona muito bem.

É muito comum em empresas desse segmento os vendedores e propagandistas passarem por treinamentos que detalham o funcionamento, as propriedades e os benefícios de cada produto que vendem.

Depois do treinamento, os vendedores são colocados à prova, e seus salários podem variar dependendo do desempenho no teste.

Quer motivo melhor para convencer os vendedores a treinarem? Não tem, certo?

Pense nisso, una as duas dicas (teste antes, teste depois do treinamento) e capacite seus vendedores rumo ao sucesso.

Boas vendas!

marcelo caetano - consultor e palestrante de vendasMarcelo Caetano atua há mais de 18 anos como palestrante de vendas, consultor, empresário e autor de livros. Já são mais de 80 empresas atendidas em projetos de consultoria.

Desenvolve Treinamentos In Company desde 1998 e desde 2002 é colunista da Revista VendaMais, a mais importante publicação de vendas do Brasil.

Atualmente está à frente da VendaMais como Diretor-Executivo e Comercial.